Você sabe quais documentos fiscais eletrônicos precisa emitir?

Sobre o que vamos falar?

Tempo de Leitura: 2 minutos

Os documentos fiscais eletrônicos representam um novo conceito de transmissão de informações em tempo real a SEFAZ. Ao mesmo tempo que proporciona inovação ao contribuinte e ao cliente, a SEFAZ torna-se um importante aliado na fiscalização. Entenda quais são e quem deve emitir:

  • Nota Fiscal eletrônica (NF-e);
  • Nota Fiscal do Consumidor eletrônica (NFC-e);
  • Nota Fiscal de Serviço eletrônica (NFS-e);
  • Conhecimento de Transporte eletrônico (CT-e);
  • Manifesto de Documento Fiscal eletrônico (MDF-e).

A Nota Fiscal eletrônica (NF-e):

É usada para venda de mercadorias entre CNPJ’s, para pessoas físicas em casos de vendas interestaduais,  para o exterior ou ainda dependendo do CNAE (Classificação Nacional de Atividade Econômica) da empresa. Por exemplo, para venda de um automóvel é emitida uma Nota Fiscal eletrônica independente de ser a uma empresa ou pessoa física.


A Nota Fiscal do Consumidor eletrônica (NFC-e):

É emitida pelo varejo a clientes finais, sendo eles empresa ou pessoa física. Normalmente é um documento com vários itens que pode ser emitido para compras de até R$ 200.000,00, sem necessariamente informar dados pessoais do cliente. Acompanhe a obrigatoriedade.


Nota Fiscal de Serviço  eletrônica (NFS-e):

É um documento eletrônico emitido por prestadoras de serviço. É um documento que ainda está em fase de transação e não é obrigatório em todos os municípios do país, para conhecer os municípios que já se adequaram clique aqui.


Conhecimento de Transporte  eletrônico (CT-e):

É emitido por transportadoras, por quem faz transporte de mercadorias sendo elas intermunicipais, interestaduais ou internacionais. Saber mais.


Manisfesto de Documento Fiscal eletrônico (MDF-e):

É um documento que será emitido por quem presta serviço de transporte, com a emissão de mais de um conhecimento de transporte ou se o serviço for feito com veículo próprio o objetivo é “agilizar o registro em lote de documentos fiscais em trânsito e identificar a unidade de carga utilizada e demais características do transporte.” É obrigatório para transportes interestaduais.

É de extrema importância que as empresas fiquem atentas as questões fiscais, porque as fiscalizações estão atuantes, desta forma é preciso tomar cuidado para que sua empresa faça a emissão dos documentos exigidos e faça também o armazenamento dos XML gerado.

Veja como a Migrate pode facilitar estes processos para sua empresa, desde a emissão do documento até o gerenciamento da saúde fiscal de seu negócio. Conheça também nosso Portal dos desenvolvedores.

 

 

Checklist para um bom decisor de TI

banner lateral blog news assinar
Tenha todas as informações e novidades sobre tecnologia, gestão e emissão fiscal em primeira mão 🚀

    # Você vai se interessar também

    Capture suas Notas Fiscais em mais de 2.400 Municípios
    NT 2021.004
    Plataforma InvoiCy Bate Recorde de Emissão

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Migrate logo Branco

    Fale Conosco

    11 4240 6556

    Deixe seu melhor número para contato,

    nós ligamos pra você...