O que é Benchmarking e como funciona em uma empresa de TI?

Sobre o que vamos falar?

Tempo de Leitura: 3 minutos

Com mercados cada vez mais competitivos, é importante que os gestores elaborem formas de diferenciação que chamem a atenção dos clientes. O Benchmarking é uma das estratégias mais utilizadas nesse contexto. Afinal, com o aumento da concorrência, os clientes estão cada vez mais exigentes em relação a serviços e produtos.

Pensando em ajudar as empresas de TI que querem seguir esse caminho, elaboramos este artigo para explicar o que é benchmarking e como funciona. Ficou interessado no assunto? Então, continue com a leitura!

O que é benchmarking e como funciona?

A palavra benchmarking é derivada de benchmark, que significa “referência”. Isso já nos dá uma dica, certo? Benchmarking é a metodologia de analisar os melhores serviços, produtos e práticas empresariais do mesmo ramo, para tomá-los como referência para melhorar o próprio negócio. Esse processo consiste em:

  • Levantar informações;
  • Mensurar dados;
  • Pesquisar várias empresas do mesmo setor;
  • Interpretar os dados coletados;
  • Entender o que eles representam e como podem ser utilizados para beneficiar a empresa e torná-la competitiva.

É importante ressaltar que não se trata de copiar os concorrentes, mas identificar quais são os principais acertos das outras empresas e adaptá-los à missão e visão da sua empresa.

Como realizar benchmarking em TI?

No primeiro tópico, falamos de benchmarking de forma geral, agora, é hora de aplicá-lo a nossa área de interesse, a TI. A lógica será a mesma: o benchmarking será utilizado para identificar as práticas bem-sucedidas e de destaque do mercado de TI e orientar uma adaptação para a própria empresa. A seguir, separamos algumas ações e dicas que ajudam a fomentar essa prática. Confira!

1.Faça entrevista com fornecedores

Para localizar boas práticas, uma excelente alternativa é fazer entrevistas com os fornecedores. Sim, eles não são os gestores finalísticos, mas conhecem os gestores de TI de diversas empresas e podem falar quais soluções os clientes têm utilizado com mais frequência e êxito.

2.Analise engajamento das equipes

Como qualquer gestor sabe, não são apenas os softwares os responsáveis pelos resultados de uma empresa, a equipe é fundamental. É o pessoal quem vai executar as tarefas e contribuir para que as metas setoriais e da empresa, como um todo, sejam cumpridas.

Então, lembre-se do que falamos no início, o benchmarking também consiste em avaliar as melhores práticas. Portanto, avalie as equipes concorrentes e tente localizar referências nas dinâmicas deles para aplicar melhorias em sua equipe — ainda que seja preciso investir em treinamentos e mudanças de diretrizes.

3.Monitore os custos das atividades

Compreender o custo das atividades realizadas no setor de TI é fundamental para entender detalhadamente o orçamento — isto é, como os gastos ocorrem e qual o impacto de cada fator. Essas informações ajudam o gestor a ter uma visão ampliada de todos os pontos, o que, por sua vez, ajuda a tomar decisões. Fazer o benchmarking vai ajudar a entender se os gastos da área estão dentro da média de gastos do mercado de TI ou se existe algo que precisa ser adaptado.

4.Faça benchmarking interno

Outra boa aposta é fazer um benchmarking interno, isso torna possível comparar os resultados alcançados entre as diversas áreas que compõem o setor de TI — como é o caso, por exemplo, da infraestrutura, do desenvolvimento e do suporte.

Qual é a importância de utilizar o benchmarking?

Devido à praticidade e modelagem própria para identificar tendências e inovações, o benchmarking tem se tornado uma prática muito utilizada na área de TI. A metodologia:

  • Ajuda a empresa a estar sempre atenta ao mercado;
  • Auxilia no acompanhamento das ações dos concorrentes;
  • Estimula a expansão e implantação de novas ideias;
  • Prepara para atender melhor os clientes.

Com as informações que essa metodologia ajuda a captar, fica bem mais fácil para as empresas acompanharem o mercado como um todo.

Neste artigo, mostramos o que é benchmarking e como funciona. Também, evidenciamos que, apesar de não ser algo muito simples de alcançar, seus benefícios são inúmeros e compensam os esforços de estudos, análises e implantação de mudanças nos processos.

Se você gostou do nosso artigo, siga as nossas páginas nas redes sociais e se informe cada vez mais sobre o setor. Estamos no Facebook, Linkedin, Twitter, Instagram e YouTube!

banner lateral blog news assinar
Tenha todas as informações e novidades sobre tecnologia, gestão e emissão fiscal em primeira mão 🚀

    # Você vai se interessar também

    Tabela NCM Atualizada
    Capture suas Notas Fiscais em mais de 2.400 Municípios
    NT 2021.004

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Migrate logo Branco

    Fale Conosco

    11 4240 6556

    Deixe seu melhor número para contato,

    nós ligamos pra você...